5 passos para definir e atingir metas de vendas que ajudam sua empresa a crescer (rapidamente)

No planejamento de uma empresa, toda equipe de vendas precisa atingir metas. Porém, você percebe que as coisas não caminham conforme o esperado. O que fazer nesse caso? Como agir? Para te ajudar, separamos 5 passos para definir e atingir suas metas.


1 - Entenda a importância das metas

Para os vendedores, ter metas é algo necessário, ainda mais para quem trabalha com ganho de comissões e bônus, pois elas ajudam a manter o vendedor motivado a alcançar melhores resultados.


Na maioria das vezes, as metas são definidas pelas lideranças, tanto das equipes de vendas quanto das lideranças da empresa no geral. Junto com a meta é definido também a recompensa e a forma de reconhecimento para quem alcançá-la.


Essas recompensas, seja alguma comissão financeira, brinde da empresa ou algum destaque personalizado, ajudam a incentivar os vendedores a atingirem suas metas, tanto pessoais quanto da empresa.


Além disso, definir metas é essencial para fazer a empresa crescer, porque se você não tem um valor mínimo de vendas, não tem como saber se a empresa está indo bem ou não. Trabalhar sem ter um objetivo claro é um tiro no pé, já que os vendedores ficarão perdidos, sem saber exatamente o quanto devem vender.



2 - Defina suas metas

Mas como eu faço a definição das metas da empresa? Para isso você precisa estar a par da situação financeira do seu negócio, pois é imprescindível saber o orçamento exato para definir quais metas são necessárias.


Para ajudar nessa questão, é recomendado o uso de um sistema com BI (Business Intelligence) para auxiliar na análise e monitoramento das informações da empresa. Com essa funcionalidade é possível criar cenários de acordo com as necessidades, com acesso a visões gerenciais, relatórios inteligentes e muitos mais, permitindo definir metas claras e objetivas para sua equipe de vendas, proporcionando um crescimento (rápido) para a empresa.



3 - Acompanhe as metas diariamente


Normalmente a equipe de vendas estabelece metas pensando a longo prazo, buscando atingir as metas para a semana ou para o mês. Porém, criar metas diárias ajuda a ter um termômetro das ações, possibilitando identificar o que pode estar funcionando, onde a técnica precisa ser aprimorada e assim ao chegar no final do mês, a análise se torna mais fácil.


Para isso, é importante definir um número mínimo de prospecções, ligações e visitas a clientes. Também é necessário definir as tarefas que devem ser feitas diariamente, como atualização do funil de vendas, envio de e-mails, entre outros.


Adotar esse hábito garante que o trabalho relevante para o sucesso de suas transações seja feito todos os dias.



4 - Utilize a regra SMART


A regra SMART é um método de definição de metas, na qual se baseiam em 5 fatores: S (específica), M (mensurável), A (atingível), R (relevante) e T (temporal). Através dela é possível montar um plano de ações para atingir as metas, tendo foco total no objetivo. Veja exemplo:


S - Specific - Específica: Trace metas que não sejam vagas ou que pulem informações importantes. Dê sentido à meta. Por exemplo, ao invés de: ‘quero aumentar as vendas’, use ‘quero aumentar as vendas para minha empresa crescer’.


M - Measurable - Mensurável: Trace metas que tenham métricas. Por exemplo: ‘fecharei 2 novos clientes em 1 semana’.


A - Attainable - Alcançável: Não tente se superestimar com metas que você sabe que não serão alcançadas. Por exemplo: ‘Fecharei com 10 clientes até sexta-feira’, ao invés disso, será real ‘fecharei 2 novos clientes por semana’.


R - Relevant - Relevante: Trace metas que façam sentido com o seu objetivo. Por exemplo: ‘ser administrador’ quando seu real objetivo é ‘ser reconhecido como o melhor vendedor na minha cidade’.


T - Time-based - Temporal: Acrescente um período para a sua meta. Por exemplo: ‘em 5 meses irei alcançar meu objetivo como vendedor’.



5 - Conte com um CRM


Para que o gerenciamento das metas e acompanhamento das vendas não se torne um imenso desafio, é imprescindível contar com ferramentas tecnológicas que ajudem na produtividade dos processos.


Empresas que possuem um CRM (Customer Relationship Management) conseguem além de controlar a equipe de vendas, também identificar as melhores oportunidades de negócios. Algo que se tornou extremamente importante para sua empresa.


Com o CRM é possível controlar as notificações sobre prazos e datas de reuniões e organizar a rotina dos times de vendas. Além de evitar que percam boas oportunidades de negócio. Outro fator importante é o aumento da produtividade da equipe, pois o CRM permite automatizar tarefas repetitivas, proporcionando que o time de vendas se concentre em aspectos mais estratégicos.


No mais, fica muito claro que todo esse gerenciamento da equipe ajuda a atingir novas oportunidades de negócio, mas ter um ótimo relacionamento com o cliente também é necessário e isso só é possível quando você tem um planejamento estratégico muito bem definido, com metas definidas e devidamente monitoradas.


Agora que você sabe a importância de ter metas definidas e a necessidade do CRM para alcançá-las, que tal implementar essa solução na sua empresa?

29 visualizações

Posts recentes

Ver tudo