top of page

O que é ERP? - Definição detalhada do ERP

O planejamento de recursos empresariais (ERP) é um sistema de software que ajuda você a administrar toda a empresa, oferecendo suporte à automação e aos processos de finanças, recursos humanos, produção, cadeia de suprimentos, serviços, procurement e muito mais.


Definição detalhada do ERP


ERP quer dizer planejamento de recursos empresariais, mas o que o ERP significa? Para uma definição simples, pense em todos os processos empresariais necessários para administrar uma empresa: finanças, RH, produção, cadeia de suprimentos, serviços, procurement e outros. Em seu nível mais básico, o ERP ajuda a gerenciar eficientemente todos esses processos em um sistema integrado. Ele costuma ser chamado de sistema de registro da organização.


No entanto, os sistemas ERP atuais são tudo, menos básicos, e têm pouca semelhança com o ERP de décadas atrás. Eles são agora disponibilizados na nuvem e usam as tecnologias mais recentes – como IA e Machine Learning – para fornecer automação inteligente, maior eficiência e insights instantâneos em toda a empresa. Softwares modernos de Cloud ERP também conectam operações internas a parceiros de negócios e redes em todo o mundo, proporcionando às empresas a colaboração, agilidade e velocidade imprescindíveis para serem competitivas hoje.


Por que o ERP é importante?


Às vezes descrito como "o sistema nervoso central de uma empresa", um sistema de software ERP oferece a automação, integração e inteligência essenciais para a execução eficiente de todas as operações comerciais diárias. É necessário que a maioria dos dados de uma organização resida no sistema ERP para fornecer uma única fonte da verdade à empresa.


O setor de finanças exige um ERP para o fechamento contábil ágil. O departamento de vendas precisa do ERP para a gestão de ordens do cliente. A área de logística depende de um software ERP bem executado para fornecer produtos e serviços dentro do prazo. O departamento de contas a pagar usa o ERP para pagamentos corretos e pontuais. A gerência requer visibilidade imediata do desempenho da empresa para tomar decisões acertadas. E os bancos e acionistas exigem registros financeiros precisos e dependem de dados e análises confiáveis viabilizados pelo sistema ERP.


A importância do software ERP para as empresas é ilustrada pela crescente taxa de adoção. De acordo com o G2, “o mercado global de software ERP deverá atingir US$ 78,40 bilhões até 2026, com uma taxa de crescimento anual composta (CAGR) de 10,2% de 2019 a 2026”.


As três grandes tendências resultantes do impulso dos eventos atuais são:


Nuvem, nuvem, nuvem: a preferência por Cloud ERP continuará aumentando à medida que mais empresas descobrem seus benefícios – incluindo o acesso "em qualquer lugar", custo reduzido de hardware e suporte técnico, maior segurança e integração com outros sistemas, entre muitos outros. De acordo com a Panorama Research, em seu relatório de ERP de 2020, “Mais da metade das organizações estão optando por software na nuvem (63%), em vez de software on premise (37%)”. A crescente aceleração dos negócios torna a nuvem ainda mais essencial.

42 visualizações0 comentário

Comentários


bottom of page