Empreender digitalmente: dicas e ideias de negócio

A busca por negócios que permitam empreender digitalmente vem crescendo cada vez mais nos últimos anos.

A possibilidade de trabalhar pela internet, preferencialmente em esquema home office, tem se tornado um caminho muito atrativo para quem busca mais comodidade, flexibilidade e economia ao começar um novo negócio.


Essa tendência se consolidou ainda mais em 2020, devido ao coronavírus. Por causa da crise e do isolamento social, muitos brasileiros que perderem os seus empregos ou fecharam seus negócios encontraram no empreendedorismo digital um caminho para continuar ganhando dinheiro na internet.



Primeiros passos para quem deseja empreende digitalmente


O pré-requisito para começar a sua jornada em busca do empreendimento virtual perfeito é reservar um tempo para refletir sobre em qual o segmento que você gostaria de trabalhar. Isso porque se você já tem alguma familiaridade ou gosta muito da área, as chances de alcançar bons resultados são ainda maiores.


Depois de colocar tudo na balança e decidir por qual caminho seguir, é o momento de verificar qual é o status do segmento escolhido no mercado. Ou seja, analisar se a área está crescendo, se é lucrativa, quem são os concorrentes, como lidou com a crise, e por aí vai. Para isso, invista em uma boa pesquisa, se baseando em números e diferentes fontes para não ter erro.


A próxima etapa é entender o que você precisa para começar o negócio e quanto terá que investir para tirar sua ideia do papel.


Quando falamos em empreender digitalmente, um computador e/ou telefone com internet muitas vezes são suficientes para começar.


Se esse for o seu caso, será necessário avaliar se já tem os equipamentos e se eles darão conta do recado, ou se vai precisar investir em novos dispositivos.


Em outros segmentos e tipos de negócio, você talvez tenha que ir um pouco além e investir também com outras ferramentas de trabalho, por isso é interessante avaliar caso a caso.



Empreender digitalmente: alguns setores para conhecer


O empreendedorismo virtual conta com inúmeros setores que que estão lucrando – e muito – no mercado. Veremos alguns na sequência.


Serviços

O mercado de serviços é bastante amplo e, para quem quer trabalhar na internet, os mais atraentes são aqueles que podem ser prestados de forma remota, sem que haja necessidade do empreendedor se locomover até o local onde o cliente está.

Nesse sentido, podemos citar os negócios de marketing digital, as empresas de soluções financeiras, serviços de reforço escolar ou ensino à distância, secretariado remoto e desenvolvimento de aplicativos para celular, por exemplo.


Delivery e transporte

Os nichos de entregas têm se popularizado bastante e podem ser boas alternativas para quem quer abrir um negócio neste ano, principalmente o delivery e as transportadoras.

Embora exijam que o franqueado ou sua equipe se locomovam de um ponto a outro para coletar e entregar os pedidos, a gestão do negócio pode ser feita pela internet, com o apoio de um computador ou smartphone.


Loja Virtual

Se você se interessa por varejo, também existe um amplo nicho de negócios digitais nesta área. Além de atuar comercializando seus próprios produtos na internet, também é possível revender itens como maquiagens, cosméticos, roupas e outras mercadorias em uma loja virtual.


Um outro caminho interessante é trabalhar com o comércio virtual de infoprodutos, como cursos e e-books, por exemplo.


Leia a matéria completa aqui

7 visualizações